EM REPERTÓRIO

11/06/2015 12:00

Estado Independente

Che colocou a postura ideologia à frente da própria existência e desafiou o “status quo” na América Latina e África em nome de uma revolução contra a miséria material e espiritual.

A pesquisa e a criação se apóiam na revolução política e poética proposta por Ernesto “Che” Guevara nos anos 50 e 60, na figura lendária do guerrilheiro “cidadão do mundo” como ele próprio se definia, e na sua permanência no imaginário coletivo como um personagem de espírito incorruptível, indomável, e disposto a lutar contra a injustiça social.

Nesta montagem, com o palco invadido por uma escuridão sobrecarregada, Borelli sobrepõe a ela elementos de uma guerrilha, mas ainda assim, poética. Os intérpretes repercutem as questões sociais que podem permitir ao individuo, em grupo, buscar uma saída que lhes consinta sonhar com um mundo socialmente justo, honesto e ético.

Ficha Técnica
Intérpretes: Alex Merino, Amanda Santos, Everton Ferreira, Laia Mora, Mainá Santana e Rafael Carrion.
Concepção, direção e coreografia: Sandro Borelli
Assistente de coreografia: Rafael Carrion
Trilha sonora e arte gráfica: Gustavo Domingues
Luz: Sandro Borelli
Figurino: Grupo
Fotografia: Júnior Cecon
Preparação Corporal: José Ricardo Tomaselli e Vanessa Macedo
Direção de produção: Júnior Cecon
Assessoria de Imprensa: Pombo Correio

Informações Adicionais
Duração do espetáculo: 50 minutos
Faixa etária recomendada: 16 anos


Newsletter - Cadastre-se para receber as novidades da Cia Carne Agonizante em seu email

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo